Alagoas é 2º Estado do Nordeste em projeção de crescimento do turismo internacional no trimestre, diz pesquisa

Rodrigo 19 de fevereiro de 2024

Voo saindo de Lisboa: projeções mostram aumento de viagens da União Europeia e América do Sul para o Brasil e Alagoas no primeiro trimestre deste ano

O turismo internacional está ressurgindo no Brasil no primeiro trimestre deste ano — e também em Alagoas, que já aparece entre os sete Estados do Brasil (e o segundo do Nordeste) com maior previsão de crescimento no segmento.

De acordo com os dados da ForwardKeys, empresa internacional especializada na análise de dados de viagens aéreas, Alagoas tem projeção de aumento de 15% no fluxo de turistas internacionais no primeiro trimestre deste ano, taxa de crescimento à frente de Estados do Nordeste como Pernambuco (previsão de aumento de 14%), Ceará (11%) e Bahia (4%).

Isso não significa, claro, que Alagoas receberá mais turistas internacionais do que os três Estados acima — e, sim, que a taxa de crescimento no turismo internacional em Alagoas superou a desses Estados e já é a segunda maior do Nordeste, atrás apenas do Rio Grande do Norte, que obteve a segundo maior taxa de incremento do país segundo a ForwardKeys, com previsão de 46% de aumento do fluxo internacional no primeiro trimestre de 2024.

Ainda segundo a pesquisa, Santa Catarina é o Estado com previsão de maior aumento do fluxo internacional no trimestre, com previsão de incremento de 53%, seguido por Rio Grande do Norte (46%), São Paulo (25%), Rio de Janeiro (23%), Minas Gerais (18%), Alagoas (15%), Pernambuco (14%), Ceará (11%), Paraná (9%), e Bahia (4%).

De acordo com os dados da empresa, houve um aumento de 23% das viagens da América do Sul rumo ao Brasil, um aumento de 21% das provenientes da União Europeia e do Reino Unido e um aumento de 15% de turistas dos Estados Unidos.

Entre as regiões mais buscadas, o Sul teve maior aumento, com 34%, seguido pela Região Norte (26%), Sudeste (23%) e Nordeste (13%). O Centro-Oeste, por sua vez, teria tido uma queda de 11%.

Acesse dados da publicação da ForwardKeys aqui.